COM ESPUMA OU SEM ESPUMA

Todos os dias e várias vezes por dia, em treinamentos, nos postos de trabalhos, entre outros, nos deparamos com comentários dos “profissionais de limpeza” que dizem:

_” PRODUTO QUE NÃO ESPUMA NÃO PRESTA” – Esse comentário é verdadeiro ou é mito?

MITO – O mercado de limpeza profissional tem obrigações com o meio ambiente, pois grande consumo de água é gerado através de processos de limpeza mau elaborado, obrigando as empresas sérias e responsáveis, a desenvolverem produtos ecologicamente corretos.
A baixa espumação ou espumação controlada dos produtos profissionais, tem por objetivo reduzir drasticamente o consumo de água usado nos enxagues, assim como reduzir o esforço físico no ato de recolher ou puxar a água suja. O poder de limpeza é determinado pelo teor de matéria ativa no produto e não pelo volume de espuma que é gerado.

Conhecemos casos de que o consumidor adquiriu detergente para louças, o qual era muito espesso (viscoso) e espumava muito, porém não desengordurava a louça, causando retrabalho e maior consumo de água.

A espuma é importante em processos onde exige que a área com produto seja demarcada.

HOJE GRANDE PARTE DAS EMPRESAS ESTÃO TRABALHANDO NO DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS PARA LIMPEZA A SECO ONDE DISPOMOS DE VÁRIAS OPÇÕES INCLUSIVE PARA TRATAMENTO DE PISOS.
CONSULTE-NOS.

Gostou? Entre em contato e faça um orçamento